A teoria pura do direito e o marxismo

Rock? O rock morreu.

*

Há alguns meses, eu e os camaradas Celso Kashiura Jr., Tarso de Melo e Márcio Naves, constatamos que as nossas vidas estavam fáceis demais e, após alguma deliberação, criamos as Edições Lado Esquerdo: um selo editorial dedicado à crítica do direito e de temas correlatos. No palitinho, acabei sendo agraciado com a tarefa de inaugurar a parada e eis aqui o resultado:

TPDM
Quem?

Escrevi uma resenha breve, assim:

“O livro apresenta criticamente a teoria pura do direito, projeto de vida de um dos principais juristas do século XX, Hans Kelsen. A exposição propõe questões importantes sobre o contexto histórico e cultural em que esse marco do pensamento jurídico foi forjado e expõe, detidamente, seus aspectos conceituais mais relevantes. Kelsen, por outro lado, foi um crítico dedicado das obras de Marx, Engels e Lenin, tendo escrito alguns livros e diversos artigos sobre o assunto; no âmbito do direito, são conhecidas as tertúlias que travou com Max Adler e Evgeni Pachukanis. Assim, este livro também apresenta as posições do jurista austríaco sobre o marxismo, de modo a esclarecer os aspectos ideológicos e políticos que se escondem sob a aparente “neutralidade científica” dos debates em que se envolveu ao longo de toda a carreira.”

É mais ou menos isso mesmo. Espero que os eventuais leitores entendam que não fiquei gastando tempo e tinta naquela linha “nós somos superiores e o Kelsen é um palhaço” ou “o pensamento kelseniano é furado porque é burguês”: não fiz nada disso. Digamos que apenas tentei ver o camarada e sua teoria na história.

—___—

Se você se interessa por esse tipo de leitura, COMPRE AQUI (link corrigido!). Sai R$10,00, mais R$4,00 pelo frete.

—___—

Por outro lado, as Edições Lado Esquerdo também está lançando Privatização da educação e gestão da barbárie, de Carolina de Roig Catini. Para comprar o livro dela, clique aqui. Custa o mesmo que o meu. Se você quiser comprar os dois e pagar um único frete, o link é este.

—___—

Ah, antes que eu me esqueça, aqui vão os créditos:

LE

Coordenação Celso Naoto Kashiura Jr. | Márcio Bilharinho Naves | Oswaldo Akamine Jr. | Tarso de Melo Logo e capa Marina Zocca Vilela Revisão Edmar Tetsuo Yuta Projeto gráfico Luzia Maninha | Isabela Agrela Teles Veras

Contato livrosladoesquerdo@gmail.com

Anúncios